texto-o-legado
o_legado_3_copia

O Legado das Águas é a maior reserva privada de Mata Atlântica do Brasil.

Área de 31 mil hectares divididos entre os municípios de Juquiá, Miracatu e Tapiraí, no Vale do Ribeira, interior do estado de São Paulo, que alia a proteção da floresta e o desenvolvimento de pesquisas científicas à atividades da nova economia, como a produção de plantas nativas e o ecoturismo.

Foi fundado em 2012 pelas empresas
CBA – Companhia Brasileira de Alumínio, Nexa, Votorantim Cimentos e Votorantim Energia. É administrada pela Reservas Votorantim LTDA. e mantido pela Votorantim S.A.

Mais do que um escudo natural para o recurso hídrico, o Legado das Águas trata-se de um território raro e em estágio avançado de conservação!

A Reserva é um dos únicos destinos do país com infraestrutura para oferecer ecoturismo no coração da Mata Atlântica, com atividades para diferentes públicos, como trilhas, passeios aquáticos, mirantes e canoagem. A área ainda conta com opção de pousada e camping. As atividades podem ser guiadas, com datas e horários pré-definidos e valores diferenciados; ou autoguiadas, com acesso a partir da compra do ingresso de visitação.

O Centro de Tecnologia e Pesquisa de Biodiversidade da Mata Atlântica CTPB-MA do Legado, produz plantas nativas do bioma para reflorestamento e projetos paisagísticos, com capacidade produtiva de 200 mil mudas por ano, de mais de 80 espécies nativas diferentes.

Nos eixos de atuação social e educação ambiental, mais de 40 mil pessoas já foram beneficiadas, direta e indiretamente, com ações de apoio à gestão pública, fomento da economia local e desenvolvimento socioeconômico realizadas pelo Legado no território em que está inserido.

Além disso, a Reserva desenvolve pesquisas científicas que geram conhecimento público para toda a sociedade, tendo como resultado mais recente a descoberta de duas antas albinas, possivelmente as únicas do mundo; a redescoberta de uma espécie de orquídea considerada extinta na natureza no Estado de São Paulo e sua reintrodução no habitat; o reconhecimento como Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica pelo sistema ONU/Unesco, entre outros.

Durante sua trajetória, o Legado das Águas vem diversificando seu portfólio e oferecendo produtos e soluções que conciliam o uso sustentável do território e a proteção da floresta.

nossa-historia

Pela natureza dos negócios desenvolvidos pela Votorantim, a empresa sempre optou pela aquisição de territórios que não se limitassem às necessidades de seus empreendimentos. Por isso, por todo Brasil, mantém áreas florestais em alto grau de conservação, mostrando seu compromisso com a proteção dos recursos naturais.

Dentro desse contexto, há mais de 50 anos a Votorantim adquiriu uma série de propriedades com densa floresta no Vale do Ribeira, cortadas pelo Rio Juquiá, no sul do Estado de São Paulo, onde construiu sete Usinas Hidrelétricas. Desde aquela época, a empresa sabia que conservar a maior área florestal possível às margens do Rio seria a única forma de garantir a disponibilidade hídrica para o futuro.

Em 2012, a CBA – Companhia Brasileira de Alumínio, Nexa, Votorantim Cimentos e Votorantim Energia, se juntaram para transformar esse território de 31 mil hectares no Legado das Águas, institucionalizado por meio de uma parceria com o Governo do Estado de São Paulo. Desde então, a Votorantim S.A firmou um protocolo, onde se compromete a proteger a área. Entre os termos firmados no acordo, está a proposta de gestão compartilhada, facilitando os avanços em estudos científicos; educação ambiental; uso público; proteção de espécies ameaçadas de extinção e desenvolvimento socioeconômico da região.

Em 2014, o Legado das Águas passou a ser administrado pela Reservas Votorantim LTDA., empresa do portfólio da Votorantim S.A. especializada em gestão de territórios e soluções baseadas na natureza para negócios tradicionais e da nova economia.

O Legado das Águas é uma iniciativa inovadora que comprova a possibilidade de gerar negócios responsáveis com a floresta em pé, garantindo a manutenção da área e fomentando novas cadeias produtivas que contribuam para o desenvolvimento territorial.

CONHEÇA NOSSOS FUNDADORES

CONHEÇA NOSSA MANTENEDORA

O Legado das Águas foi reconhecido como um Posto Avançado da RBMA, ou seja, uma área protegida que desenvolve  de forma permanente e exemplar as três funções de uma Reserva da Biosfera: conservação, desenvolvimento sustentável e conhecimento. O título foi concedido pelo Conselho Nacional da RBMA, que conta com 58 Postos Avançados, em 13 Estados.

A Reserva da Biosfera da Mata Atlântica – RBMA, com área reconhecida pela UNESCO, é primeira unidade da Rede Mundial de Reservas da Biosfera declarada no Brasil, com 89.687.000 hectares nos 17 estados brasileiros em que a Mata Atlântica está presente.

 Conheça a RBMA!

Legado das Águas © 2020 – Todos os direitos reservados